terça-feira, abril 13, 2010

CLICK - O Papa Razzzzi da Treta




32 comentários:

Amigo Kate Moch disse...

Brutal....

Anónimo disse...

não tou entendendo....

amiga tcn disse...

Esta máquina, se fosse azul e preta e de plástico, era igual à minha Diana! ;)

Já aprendi hoje de que são compostas as bombas! - TNT: Trinitrotolueno

Amigo Kate Moch disse...

Para bom entendedor meia palavra basta. Neste caso, meio desenho. lol

Atento disse...

Visitante 58000, quase que merecia um prémio

Anónimo disse...

Por falar em paparazzi, podem dizer-me quem são as listas candidatas ao caorg?
Há pouco antevi uma junto ao cine teatro, mas de carro não deu para ler.

Anónimo disse...

a maria alzira numa e o joão ramiro noutra.

Anónimo disse...

e dos bombeiros sabem ?

Anónimo disse...

deve ser os mesmos, mais coisa menos coisa

Anónimo disse...

Depois da reputada obra "Os pezinhos da Nandinha", o mais prolífico dos autores mindericos do xaral cibernáutico presenteia-nos com: "A intensidade dos orgasmos no Caorg".

A seguir (para quem conseguir...!), aqui:

http://www.minderico.com/minderico/artigo.asp?cod_artigo=180537

Kate Moch disse...

Realmente...
Ele há gente que não se enxerga...

Anónimo disse...

Ha,ha.ha...
Parece que por causa dos "orgasmos"
houve um reencontro interessante no BES: Anré/J.Ramiro. Se não fosse o Jorge Pires os nossos bombeiros teriam tido hoje mais trabalho... Infelizmente, pois então, porque a coisa esteve feia!

Anónimo disse...

Fala-se no J.Jose, no Artur e no TózéBranco.
Sabem dizer-me o que é que eles têm a ver com isto? Não será politiquisse?

Anónimo disse...

Esse Sr. J. José, tenta por todos os meios não ser esquecido. Provavelmente continua a ter ambições politicas.
E se for preciso sacrificar a mais prestigiada instituição, ele aí está disponivel.

Que falta de vergonha.

Gabili disse...

Jolião estamos na caminha que fizemos e já podemos deitarnos ne-la
beijinhos
Gabili

Anónimo disse...

Estou com os nervos em fanicos...!
Estou há 4 horas a preparar-me para a assembleia do Caorg...
Nã aguento tanta pressão...!

Anónimo disse...

Não havia nechechidade...

Anónimo disse...

afinal que lista venceu estas emocionantes eleições do caorg??
este toucaneura esta perder todo espírito... são conflitos de interesse, e depois dá nisto.

Anónimo disse...

ah ah ah, essa do conflito de interesses é fantástica.

TCN a perder qualidades

Anónimo disse...

Acho que ganhou que devia ganhar.
É interessante ver como para defender intere$$e$ pessoais e do foro pessoal se recorre a todos os meios. Parece até irracional!
Só devemos lamentar que tenham usado processos "maquiavélicos" para atingir os objectivosos. Algumas pessoas sentem que foram usadas, que foram enganadas porque tomaram conhecimento com uma realidade que desconheciam.
Assiste sempre o diereito à participação e ao contraditório, mas podemos criticar a forma de o fazer. Não aprecio "páraquedistas" nem "carneirinhos". Louvo os que ficaram. Mostram obra feita, e têm vontade própria!
Boa sorte.

Anónimo disse...

Já passou pelo CBES e deixou rasto.Já andou pelos ICAS, mas parece que tambem aí não levou por diante os objectivos, agora foi no CAORG que tentou impor uma forma de estar, de mandar com o quero posso e mando.
Não levo a mal que o J.Ramiro queira colaborar com as instituições. Até louvo a sua atitude. Todos os Mindericos devem ser solidários e colaborar com as instituições, mas repudio quando se quer usar as colectividades para objectivos politicos e de afirmação pessoal sabe Deus,com que fins.

Anónimo disse...

Esse Sr intriga-me pois parece um anjinho...não quer dizer q no BES a culpa não tivesse sido do outro ...

Justiceiro Incorruptível disse...

Fazer suposições e falsas afirmações é o cerne da coscuvilhice e o povo gosta, e já que estão protegidos pelo anonimato digital escrevam com todas as letras.
Em relação à lista que ganhou a melhor sorte do mundo para eles pois têm em mãos uma instituição de grande valor cultural, mas não posso deixar passar em claro algumas coisas que por aqui li.

Pelos visto parece que o que é bom para as instituições de Minde é serem sempre os mesmos e as mesmas ideias, aí ninguém leva a mal. Toda a gente que vem de fora tem interesses maquiavélicos e dissimulados querem ver ?!
Engraçado verificar como as pessoas se intrigam por ver que alguém deixou obra feita, o rasto do Lar e do ATL deve ser negativo pelos vistos, assim como o desenvolvimento do Caorg nestes últimos anos.
Mais que solidários com as instituições os Mindericos devem tentar saber o que se passa nas instituições fora das mesquinhas conversas de café. E sobretudo não confundir o empreendedorismo com quero, posso e mando, porque é certo que carneirinhos já os há em demasia, especialmente no toca à arte de balir enormidades como um certo senhor não Minderico fez numa instituição bancária.

Anónimo disse...

pERGUNTEM QUANTO, E COMO, GANHA A bIÉ!
uM ESCANDALO!

Anónimo disse...

Não vejo qual o problema. É claro e transparente. Não é remunerada por ser dirigente nem é suposto estar a exercer aquela função a título gratuito. E, dentro do CAORG, nunca deu qualquer problema esta questão.

Um escândalo temos nós no CBSEM. Aí é que sob a capa de avenças, contratos com empresas, etc., temos lá os Srs. Dirigentes a sacar bons ordenados.

Essa é a maior vergonha de Minde.

Faz algum sentido e lógica, em algum sítio do mundo, a empresa que trata da contabilidade e fiscalidade do CBESM ser a empresa do Presidente da Direcção?! É o chamado juiz em casa própria.

Vão lá perguntar quanto é que é o "ordenado". Mas de outras pessoas da Direcção ou a ela ligadas.

Anónimo disse...

Principalmente o das flores que leva almoço e jantar para casa todos os dias, e ainda faz um bruto negócio com as fraldas dos idosos, pois são vendiddas e revendidas e os familiares a pagar.
Mas a isto o grande gestor não diz nada.

Anónimo disse...

Realmente não é de forma alguma correcto o que se passa no Centro. Não é ético o seu Presidente mandar fazer a escrita à sua própria empresa;ou pagar avença de advogado a membro da direcção; ou ter também nessa direcção o fornecedor de produtos de higiene para o centro; ou mais que nem sabemos.Como é possível tal situação?Não seria mais transparente que a direcção ou alguém da direcção fosse remunerada e que isso fosse absolutamente transparente?Será que os estatutos desta instituição permitem tal situação? A ser assim, só em Minde. Sinceramente acho isto um absurdo.
Relativamente à instituição caorg, está bem de ver que quer a lista A quer a B estão ilegais.O presidente da assembleia geral não procedeu bem mas, lá está, como em Minde tudo embadeira em arco, as pessoas aceitaram uma situação que é estranha: ir a uma reunião votar para uma lista, que também ela não poderia ter sido aceite e, no momento, e nessa mesma reunião, por levantamento de braço, foi dito que sim sr e logo de seguida, votou-se.Deveria na minha opinião ter-se marcado nova reunião para se votar, após a assembleia ter -se pronunciado a favor da admissão da lista.E só então a lista A deveria dar início à sua campanha. E não pensem já que estou a favor da lista B, porque entre ambas ainda era preferível a A.

Anónimo disse...

Efectivamente, a lista da Dra. Maria Alzira nunca poderia ter sido aceite pelo Presidente da Mesa.

O regulamento que ele invocou para impedir a lista do Dr. João Ramiro de ir a votos diz que ninguém pode ser director mais de 2 mandatos seguidos. A não ser que fosse impossível arranjar alguém para ir para lá (o que não acontece, pois o que deveria ter acontecido era voltar a convocar eleições, com a nota que apenas existe uma lista e tem aquela igualdade) ou que existiria grande inconveniência. Ora, não vejo qual a inconveniência de se mudar uma Direcção que lá está há 20 e tal anos...

Não percebo é como as pessoas que aprovaram uma regra dessas têm a lata e o descaramento de se recandidatarem e não colocarem o lugar à disposição.

Espero que ao menos tenham a honestidade intelectual, a começar pelo Presidente da Mesa e o Presidente do Conselho Fiscal (que nem sei quem é) de levar a votação na próxima AG a revogação dessa aberração de regulamento.

Anónimo disse...

A carta que o caorg enviou para todos os seus sócios indica que o presidente do Conselho Fiscal é: Luís da Silva Ferreira, que segundo apurei já era este o nome que constava no mandato anterior. Com este nome na zona, só conheço um, e esse está há bastante tempo em Porto Santo. Portanto não estou a ver que possa ter fiscalizado alguma coisa.

Anónimo disse...

Pelas minhas contas, o Conselho Fiscal e a Mesa da Assembleia Geral também já lá estão há mais de 2 mandatos. Qual é a justificação para isso?

Anónimo disse...

Estão há mais de 4 (QUATRO) mandatos.

Anónimo disse...

Cum caraças...!
4 mandatos quando não podem estar mais de 2 mandatos seguidos?!
E o Presidente da Mesa da Assembleia Geral barrou uma lista e permitiu esta, com estas irregularidades?! E não colocou à consideração dos sócios admitirem a outra lista?!

Fenomenal...